Preencha so campos abaixo.

(opcional)

(obrigatório)

(opcional)











(opcional)

Matérias

Inventário Turístico é determinação da Lei Geral

Imprimir
Publicado em 02 de Maio de 2013 - 17:59

 

Segundo o Mtur, o Inventário da Oferta Turística consiste no levantamento, identificação e registro dos atrativos turísticos, dos serviços e equipamentos turísticos e da infra-estrutura de apoio ao turismo como instrumento base de informações para fins de planejamento, gestão e promoção da atividade turística, possibilitando a definição de prioridades para os recursos disponíveis e o incentivo ao turismo sustentável.

No Projeto de Inventário da Oferta Turística do Programa de Regionalização do Turismo - Roteiros do Brasil,  o Mtur destaca os seguintes objetivos específicos do processo de inventariação:

• Formatar e implementar uma metodologia única para a inventariação da oferta turística no País, capaz de ser compreendida por todos os setores e  agentes envolvidos no processo;

• Apoiar, de forma descentralizada, a gestão, distribuição e atualização periódica das informações turísticas, fornecendo às Unidades da Federação e aos municípios instrumentos para a coleta e sistematização das informações;

• Disponibilizar, aos visitantes, planejadores e gestores, dados confiáveis a respeito da oferta turística brasileira por meio de um Sistema de Informações Turísticas;

• Permitir a análise do significado econômico do turismo e seu efeito multiplicador no desenvolvimento municipal;

• Criar uma rede de recursos humanos, capaz de gerir nas UFs e municípios o processo de inventariação da oferta turística;

• Formatar e disponibilizar um instrumento padrão de pesquisa da oferta turística;

• Permitir o diagnóstico de falhas, pontos críticos e de estrangulamento, desajustes entre a oferta e a demanda existentes;

• Possibilitar a hierarquização e priorização dos atrativos e conjuntos existentes;

• Servir de equipamento de consulta para empresários com interesses na atividade turística das regiões turísticas;

•  Funcionar como equipamento de pesquisa para estudantes e pesquisadores da área;

• Coletar informações que subsidiem a elaboração de roteiros turísticos;

• Permitir a identificação e a classificação de municípios turísticos e com potencial turístico.

O principal motivo para que  um gestor municipal se interesse em elaborar o Inventário Turístico repousa nas possibilidades de usar as informações para planejar, projetar e principalmente conhecer, aperfeiçoar e divulgar as potencialidades turísticas do lugar.

O processo de inventariação consiste na aplicação de questionários específicos ( cerca de 70 modelos diferentes), criados e disponibilizados pelo Mtur em 2011 no 6º Salão do Turismo.

É um trabalho que deve ser executado por profissionais capacitados pois requer uma serie de detalhamentos e de conhecimentos específicos. 

Cada empreendimento deve ser visitado, todas as informações dos questionários precisam ser preenchidas corretamente e depois de tudo pronto os gestores deveriam lançar as informações em um sistema de banco de dados que permita sua compilação e a geração de relatórios que visem facilitar o planejamento e os investimentos no setor de turismo e até infraestrutura do município.

O problema maior é que, muitas vezes, por falta de conhecimento ou de pessoal qualificado, os gestores locais limitam a formatação do inventário turístico de suas cidades a simples listas com nome, endereço e telefone dos empreendimentos e atrativos.

Indo mais além, municípios estão buscando parcerias com o Instituto IDEIAS (www.ideias.org.br), cuja equipe participou da elaboração dos questionários e da metodologia do Mtur, para implantar o INVENTUR, sistema de banco de dados especial que além de gerar os relatórios gerenciais ainda proporciona ao município parceiro, a disponibilização das informações turísticas em forma de um portal na internet, transformando assim um instrumento de gestão em uma ferramenta promocional sem precedentes no Brasil e no Mundo. Cidades consideradas pelo Mtur como Destinos indutores estão estabelecendo parcerias com o IDEIAS e cada uma delas já tem seu próprio portal de turismo e seu inventário, seguindo as regras do Ministério.

Se seu município ainda não tem inventário turístico ou tem, porém não atende a nova metodologia do Mtur, vale a pena conferir como estão os que acreditaram no planejamento er na promoção estruturada de suas Cidades.

Veja alguns Municípios que já partiram na vanguarda e estão colhendo os frutos:

www.destinopetropolis.com.br              
www.destinoparaty.com.br
www.destinobúzios.com.br
www.visiteviscondedemaua.com.br
www.turisangra.com.br 
www.visitesaopedrodaaldeia.com.br
www.cabofrioturismo.com.br
www.visitecasimirodeabreu.com.br
www.visiteitaborai.com.br
www.visiteduquedecaxias.com.br

 

saiba mais em :www.inventarioturistico.com.br

 

Fotos

Inventário Turístico é determinação da Lei Geral